sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Manifesto Eleitoral

Portanto, vou-me candidatar à presidência do Glorioso Benfica! Eu sei que as eleições não são já daqui a um mês, mas quem sabe, podem ser antecipadas e o melhor é ir preparando o terreno.

O meu programa de acção, para já, é muito simples e assenta em 2 ou 3 linhas de força, que me parecem fundamentais para o futuro do nosso clube. Assim:

Financeira e institucionalmente

1 - Renovar o contrato com a Olivedesportos

Ninguém nos paga o que a Olivedesportos nos oferece e em momentos dificeis para o Benfica o Oliveira foi um grande amigo do nosso clube e ainda é, mesmo que passe muito tempo de roupão em casa.

2 - Apoiar a candidatura do Vitor Baía para a presidência da FPF

Apesar de jovem, este excelente antigo guarda-redes, até defendia bolas fora da área com as mãos sem fazer falta, já disse que se tivesse jogado no Benfica teria tido maior projeção. Isto mostra um apreço pelo nosso clube que não podemos deixar de saudar. Além disso, já mostrou qualidades de gestão ao serviço de um clube nosso rival e é uma figura que gera consenso, excepto nesse tal clube rival, não sei porquê. Fará um trabalho isento e de grande qualidade com toda a certeza.

3 - Reforçar a luta contra a corrupção no futebol português

Apoiar pessoas credíveis e competentes para os cargos mais importantes da estrutura dirigente do futebol português (ver ponto anterior), bem como manter relações de cordialidade com pessoas influentes no mundo futebolístico (ver ponto 1) também faz parte da luta contra a corrupção, relativamente à qual não podemos baixar os braços.

Ao nível desportivo

1 - Investir na prospeção e contratação de jovens jogadores da América do Sul

O sul do continente americano em termos de jogadores de futebol, é uma mina de diamantes em bruto, que não pode deixar de ser explorada por um clube com a dimensão do Benfica. Nesse sentido, a contratação de um profissional com a experiencia de Jorge Gomes será certamente uma mais valia.

2 - Reforçar os laços com os clubes espanhóis da dimensão do Benfica

Tão perto e simultaneamente tão longe. Os grandes clubes espanhóis, Real Madrid, Atlético de Madrid e Barcelona, com certeza estarão interessados em colocar num clube como o Benfica as suas jovens promessas e até ceder alguns dos seus jogadores que demonstrem inadaptação ao futebol que se joga em Espanha. O Benfica poderá lucrar bastante com estas parcerias quer através da venda dos direitos dos nossos jogadores mais cobiçados pelo preço da cláusula de rescisão, quer através da compra a baixo custo das jovens promessas ou/e dos atletas dispensados por aqueles clubes.

3 - Contratar treinadores apenas por uma época

Está demonstrado que a grande maioria dos treinadores não tem arcaboiço para aguentar mais do que uma época no Benfica. Nem Mourinho resistiu ao peso do nosso clube. Projectos de longo prazo são projectos sem visão e ultrapassados no panorama do futebol actual.


Saudações Benfiquistas

3 comentários:

Félix disse...

Eh eh eh

Está brilhante!!!

Saudações Benfiquistas

Viriato de Viseu disse...

Eheheheh....para quê o trabalho???

Não ias mudar nada!!!!!!!!!!!

Se pensas que tens os meus 50 votos, tira o cavalinho da chuva, para o animal se não constipar.

Abel Pontes disse...

Estou despontado, Viriato! Contava com os teus 50 votos!! ;)